Bem-Estar Dicas de Dieta Fitness Nutrição O Que Emagrece

Sedentarismo e Obesidade: Você Sabe a Relação?

A vida moderna facilitou muitas coisas para o ser humano, o contato interpessoal, praticidade, e a economia de tempo. Mas ao mesmo tempo que trouxe vantagens, trouxe alguns malefícios como a comodidade e a falta de movimento.

Sedentarismo e obesidade

O Sedentarismo E A Vida Moderna

A rotina cheia, a falta de tempo para se exercitar e cozinhar faz as pessoas cada vez mais perderem o interesse por ter uma vida saudável. A ausência de hábitos que beneficiam a saúde é chamado de sedentarismo e ele é um grande vilão disfarçado de mocinho.

É tentador quando chegamos cansados do trabalho ou faculdade querendo apenas descansar e nosso sofá é um verdadeiro sedutor. Ai que mora o perigo e devemos ficar alertas! Essa rotina pode nos levar facilmente ao sedentarismo. Procuramos alimentos que não tem boa qualidade e procedência, assim, acabamos ingerindo mais calorias do que gastamos.

Fast-foods, comidas congeladas, salgadinhos, refrigerantes, pães, sorvetes e afins são alimentos que não oferecem mais que sódio, carboidratos e açúcares. Todos nós precisamos de tudo isso, mas o excesso pode ser letal.

Se você não é capaz de gastar todas as calorias ou parte das que ingere, elas começam a se acumular na forma de gorduras corporais e com o tempo e se não houve mudança de hábitos alimentares, você pode ser tornar obeso.

Entendendo Melhor Sobre Obesidade

A obesidade é uma doença. Estar acima do peso pode ser um alerta para parar e avaliar como anda sua saúde. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde) o IMC (Índice de Massa Corporal) acima de 30 já é considerado obesidade. Quem pode fazer esse cálculo com precisão é um Endocrinologista ou um Nutricionista, por isso, se você acha que está acima do peso, o ideal é procurar orientação médica.

A maioria dos casos de obesidade se deve a maus hábitos alimentares e a inatividade física, mas ela pode ter origem genética ou devido alterações hormonais.

Como a maioria dos casos vem de má alimentação e falta de atividades físicas, é sobre eles que iremos falar.

Mas sabe o que é mais engraçado notar que sedentarismo e obesidade andam lado a lado. Você duvida? Então eu vou te mostrar exemplos bem claros sobre esse ciclo que fazem a obesidade e o sedentarismo andarem lado a lado:

Quem você que tem mais disposição e forças para levantar do sofá e começar uma atividade física sem cansar num instante: Uma pessoa com menos peso corporal ou uma pessoa com sobrepeso?

Para uma pessoa acima desse peso, é difícil fazer exercícios pois a gordura é muito difícil de ser carregada, então, ela tende a ficar parada por ser um tremendo esforço físico. Agora se ela não se exercita, fica parada, certo? Dá brecha para o sedentarismo.

Se pessoas não se exercitam, sendo sedentária, ela não gasta o que consome e em pouco tempo, ela começará a ter sobrepeso dando brecha para a obesidade também.

As duas doenças se puxam e deixam um indivíduo doente com muita facilidade.

P.S: Ser magro não é sinônimo de estar saudável. Por vez, existem pessoas gordas saudáveis e pessoas magras com a saúde deplorável.

As Consequências Da Obesidade

Pessoas que têm obesidade e ainda são sedentárias são propensas a uma série de doenças que podem agravar o risco de vida dela e tornar ainda mais difícil o tratamento.

  • Hipertensão
  • Acidente Vascular Cerebral (AVC)
  • Apneia do sono
  • Depressão
  • Diabetes tipo II
  • Artrites
  • Disfunção Erétil

Acabando Com O Sedentarismo e Obesidade

Sedentarismo e obesidade

Se você chegou até aqui, deve estar interessado com como detonar esses inimigos da existência do seu ser, não é? Existem coisas que você pode fazer para dar um fim e ter uma nova vida cheia de saúde e vitalidade!

Vou te dizer exatamente o que você deve fazer para ter uma saúde de touro. Primeiro passo é:

Comprometimento!!!!

Sim, esse é o passo fundamental para dar uma guinada na vida e acabar com a preguiça e a doença de uma vez por todas. Não será um caminho fácil e requer uma mudança radical nos seus dias, na sua rotina e nos seus hábitos alimentares. Você tem que prometer a você mesmo que não irá desistir e se permitir fraquejar as vezes. Ninguém é perfeito! Não se esqueça disso.

Agora que você já sabe o passo principal, deve seguir aos outros que são:

Procurar um médico, geralmente um endocrinologista e fazer todos os exames para ver como anda sua saúde e o quanto você deve melhorar e em que você deve mais atenção ou não. Logo em seguida e dependendo dos resultados, o endocrinologista irá te encaminhar para outras especialidades como cardiologistas, neurologistas, ortopedistas e com toda certeza, vai te encaminhar para um nutricionista.

O nutricionista será o grande responsável pela sua mudança de hábitos alimentares e fará isso de uma forma que caiba no seu bolso e estimulará o tempo todo reeducação alimentar. Com o passar do tempo, você nem sentirá falta daqueles velhos hábitos alimentares. Algumas pessoas sentem até nojo das antigas comidas que comiam.

Procure também um educador físico, pois ele irá orientar uma série de exercícios que você seja capaz de seguir de acordo com suas limitações e condições físicas. É muito arriscado pessoas com obesidade começarem a fazer exercícios por si só, pois pode piorar e agravar a situação de doença. Conforme os meses passam, você sentirá mais disposição e irá parar de ficar cansado por subir alguns degraus.

Bye, Bye Velhos Hábitos!

Existe mais que você pode fazer por você como:

  • Parar de comer em Fast-Foods
  • Parar de Fumar
  • Parar de beber
  • Não usar drogas ilícitas

Unindo esses hábitos a uma nova rotina alimentar e a prática de exercícios é possível acabar com o sedentarismo e com a obesidade! Recupere sua vida e aumente suas expectativas.

Sedentarismo e Obesidade: Você Sabe a Relação? (Vídeo)

Gostou do artigo? Leia também:

Sedentarismo e Obesidade: Você Sabe a Relação?

Sedentarismo e Obesidade: Você Sabe a Relação?
5 (100%) 10 votes

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.