O Que Emagrece

Evitar o Catabolismo Muscular Noturno

Evitar o Catabolismo Muscular Noturno
(100%) 5732 votos

Inimigo para quem quer ganhar massa muscular: o catabolismo é responsável pela diminuição dos resultados em obter massa muscular. A
musculatura não responde aos estímulos dos exercícios e elimina aqueles músculos que você lutou para obter.

Você fica fraco e com mais chance a se lesionar. Seu metabolismo fica lento e começa a quebrar proteínas complexas em simples, na busca de
produção de energia para o músculo.

Vai diminuir a quantidade de calorias que você queima no repouso. Não adianta aumentar a carga dos treinos e investir mais tempo para ver
seus músculos crescerem, que isso só vai gerar um processo dolorido para ser revertido.

Causas do Catabolismo Muscular Noturno

Inúmeras são as causas, a começar pela falta de descanso pós treino, com exercícios exaustivos. Dormir pouco não dando chance aos músculos.

Alimentação irregular, treinamento intenso em jejum, sem orientação de um educador físico e também algumas doenças que podem atrapalhar o desenvolvimento das atividades.

Bebida alcoólica atrapalha a capacidade de absorção dos nutrientes para o seu organismo. Há uma perda de 20% de massa muscular e um aumento de gordura corporal.

O metabolismo tem dois pontos a serem considerados: o anabolismo e o catabolismo. O anabolismo contribui para o crescimento, a regeneração e a manutenção dos músculos. E o catabolismo é a destruição disso tudo.

Todo ganho de massa muscular como resultado do exercício físico acontece exatamente enquanto você descansa e dorme. Se houver algo
que impeça, surge daí o catabolismo muscular noturno.

Como Evitar o catabolismo muscular noturno

Evitar totalmente o catabolismo não é possível, pois há um gasto energético para que todo organismo funcione bem, mesmo em repouso.
Tenha uma alimentação adequada, rica em proteínas e carboidratos complexos, além de ter que se alimentar antes e depois de qualquer
treino.

Evite ficar mais que três horas sem se alimentar, pois quando você age assim, o organismo recorre ao tecido muscular para obter energia.
Consuma mais proteínas como carnes não gordurosas, peixes grelhados, ovos e queijo branco que são alimentos leves, não alterando o descanso e a reposição muscular durante o sono.

Acrescentar os carboidratos complexos que demoram mais a fazer a digestão e garantem um fornecimento maior de energia: arroz integral, aveia, leguminosas ( feijão e lentilha).

Coloque mais frutas e verduras em seu dia a dia. Principalmente aquelas que não possuem muito açúcar: morango, maça e pêra.
Consuma muita água, pois a hidratação é essencial para que o funcionamento do organismo ocorra. Evite o consumo de bebidas
alcoólicas, principalmente a noite e pós treinos.

Durma bem, pelo menos 8 horas por noite. Corpo em forma requer cuidados, disciplina, força de vontade e informação correta.

Evitar o Catabolismo Muscular Noturno [VÍDEO]

Gostou deste Artigo? Leia Também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.